segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Explicações

Acorreram todos este fim de semana aos mais influentes órgãos de comunicação. Vieram explicar que não, que não foi da desregulação da economia americana a responsabilidade. Foi da ganância dos povos (e, em especial dos pobres) e outras explicações universais. O mercado está a funcionar (funciona sempre) e vai repor as coisas no são.
O mercado aceitou negociar sem produtos. As pessoas (gananciosas, claro) viram as suas aplicações volatilizarem-se em poucos dias. Este mercado a funcionar reporá confiança nas suas vidas?

4 comentários:

Submarino Amarelo disse...

As explicações pareceram-me todas boas, a realidade é que não ajudava... O mercado vai salvar as empresas à custa do dinheiro dos contribuintes, que assim só perdem duas vezes. O mercado funciona bem, as pessoas é que não percebem. E, não sabendo perder com "fair play" neste jogo viciado, protestam sem razão!

Anónimo disse...

Olá meu caro João Serra.

"O que eu andei" terá neste passageiro a mesma assiduidade que mereceu o "cidadeimaginaria".
Longa vida.
Aquele abraço do Paulo Prudêncio.

Anónimo disse...

É muito estranho negociar sem produto.
Cria-se uma bolha cheia de nada que quando rebenta faz muito mal a muita gente, passando pelos que têm que pagar os empréstimos que pediram para comprar casa.

Joao B. Serra disse...

Caro Paulo Prudêncio,
Obrigado. Manteremos pois este diálogo a deshoras entre O que eu andei ... e Correntes.
Um forte abraço também para si.